quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Reitoria da USP diz que aulas seguem normalmente.



Quando eu perder a capacidade de indignar-me ante a hipocrisia e as injustiças deste mundo, enterre-me: por certo que já estou morto.
Augusto Branco

A reitoria da Universidade de São Paulo (USP) afirmou, por meio de nota divulgada nesta quarta, que as aulas de graduação e de pós-graduação estão transcorrendo normalmente.
Amanhã a entrada dos funcionários que trabalham no prédio da Reitoria será liberada e, durante o final de semana e feriado prolongado, serão feitos os possíveis reparos nas instalações danificadas.

De acordo com a nota, a partir dos resultados da perícia e do levantamento formal dos prejuízos ao patrimônio público feito pela Polícia Técnica, serão instauradas Comissões no âmbito dos Órgãos Centrais, que estudarão os dados para tomar as devidas providências legais. 

Noticia do Estadão agora eu pergunto:

Pelo que vimos na TV, estudantes de classe média alta fazendo aquela baderna toda. Vocês acham que os prejuízos causados ao patriônio público serão ressarcidos pelas famílias dos baderneiros?





3 comentários:

  1. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  2. Penso que muitos desconhecem o conceito de patrimônio público - e os telefones públicos que o digam. De qualquer forma, eu gostaria de ver nossos estudantes construindo; não destruindo.
    Abração, Paulo. Excelente iniciativa.

    ResponderExcluir