quarta-feira, 5 de agosto de 2015

ESTADO AMEAÇADO DE INTERVENÇÃO

MEUS AMIGOS.

Ontem voltando para casa escutei que o Governador viajou as pressas a Brasilia atendendo um chamado de um dos membros do Supremo pois o Estado poderia sofrer INTERVENÇÃO FEDERAL, por conta do pagamento parcelado dos salários dos servidores.

Salário  no final do mês, para o assalariado, seja de que categoria for.  É SAGRADO.

E o pagamento na sua integralidade é uma OBRIGAÇÃO.

O assalariado tem que se alimentar.

Pagar as contas,

Os IMPOSTOS que não dão parcelamento numa situação assim.

Você recebe seu salario em parcelas, mas os contas do governo que vencem neste período não te dão folga,.

Se não pagar tem juros e multas.

Ouço que o Estado está quebrado, que não tem dinheiro para nada.

O que fazer?

Parcelar salário de servidores, cortar horas extras da Brigada e outras idéias como estas de sacrificar o assalariado, SÓ ISSO NÃO RESOLVE.

Já disse antes num outro comentário que fiz que o Governador quando assumiu não deveria ter assinado aquele aumento que se auto concederam.

Na época disseram, outros políticos, que se não assinasse, inviabilizaria seu governo.

Agora eu pergunto. O que adiantou?

Está inviabilizado o pagamento dos servidores.

O Estado está quebrado  e ele está pagando a "mula roubada".

CADE OS OUTROS?????!!!!!!

CADE OS ANTERIORES QUE DEIXARAM O ESTADO NESTE ESTADO????!!!!!

Agora todo mundo dá palpite, fazem cobranças, mas se esquecem que também foram responsáveis por esta situação.

Por favor não partidarizem meu comentário,

Quando falo em anteriores, estou falando de todos os que passaram pelo governo e o deixaram nesta situação.

Me cansei desta situação.

Sai governo, entra governo, ninguém faz nada.

Todo mundo cobra do atual, SOLUÇÕES MÁGICAS PARA PROBLEMAS ANTIGOS que nenhum dos outros anteriores conseguiram resolver.

E assim vamos levando ano após ano, mandato após mandato

Até quando vai isso?

Abraço






2 comentários:

  1. Perfeito, ótima abordagem. A mídia não ajuda, pois suas abordagens nesses assuntos, nos leva a pensar que isso tudo teve início a partir deste ano.

    ResponderExcluir
  2. Quando foi anunciado o parcelamento dos salários do funcionalismo, perguntei a vários se o Banrisul iria abonar os juros dos cheques especiais dos funcionários que não puderem cobrí-los por falta da integralidade dos vencimentos. A resposta foi sempre um sorriso amarelo! Acho que alguém ouviu. Foi anunciado que por liminar a justiça determinou exatamente isto. Isto não é justiça, é lógica. Tanto a folha de pagamento como o órgão executor (o Banrisul) têm o mesmo Ordenador de Despesas. Ou o Banrisul é privado? Desculpe-me a minha ignorância.

    ResponderExcluir