sábado, 18 de março de 2017

POVO MARCADO ÊH, POVO FELIZ

Meus amigos


ADMIRÁVEL GADO NOVO
Zé Ramalho 

Esta música foi composta por Zé Ramalho, inspirada no titulo do livro Admirável Mundo Novo de Aldous Huxley.

Foi lançada no seu primeiro LP em 1979.

A canção, quando foi composta falava da vida sofrida do povo do sertão do Brasil, falava das dificuldades do dia a dia para a sobrevivência, e do difícil trabalho das pessoas, além de sugerir a esperança de tempos melhores e evidenciar que o povo é marcado, porém feliz.

38 ANOS DEPOIS CONTINUA TUDO IGUAL!!!

A diferença é que atualmente esta musica serve para todos nós, para todas as regiões, não só para o sertão.

Carnaval e Futebol - tendo isto tá bom. Realmente povo marcado. povo Feliz.

Minha Escola de Samba ganhou o carnaval e o Flamengo e o Corinthians foram campeões.!!!!

O "RESTO", meu amigo, é somente o resto.

É nisso que os políticos apostam. FUTEBOL E SAMBA.

Não foi atoa que quando anunciaram a Copa do Mundo no Brasil os políticos fizeram o maior auê.

Festa para o povo e obras superfaturada.  Dinheiro a vontade.

Depois a gente  como fica.

Se quebrar o País, a gente inventa reformas, cria impostos novos ou aumenta os que já tem e o povo paga a conta, sem reclamar.

Tem sido assim desde o descobrimento.

POVO MARCADO ÊH, POVO FELIZ.



"Admirável Gado Novo
Zé Ramalho

Vocês que fazem parte dessa massa
Que passa nos projetos do futuro
É duro tanto ter que caminhar
E dar muito mais do que receber
E ter que demonstrar sua coragem
À margem do que possa parecer
E ver que toda essa engrenagem
Já sente a ferrugem lhe comer
Êh, oô, vida de gado
Povo marcado
Êh, povo feliz!


Lá fora faz um tempo confortável
A vigilância cuida do normal
Os automóveis ouvem a notícia
Os homens a publicam no jornal
E correm através da madrugada
A única velhice que chegou
Demoram-se na beira da estrada
E passam a contar o que sobrou!
Êh, oô, vida de gado
Povo marcado
Êh, povo feliz!


O povo foge da ignorância
Apesar de viver tão perto dela
E sonham com melhores tempos idos
Contemplam esta vida numa cela
Esperam nova possibilidade
De verem esse mundo se acabar
A arca de Noé, o dirigível,
Não voam, nem se pode flutuar
Êh, oô, vida de gado
Povo marcado
Êh, povo feliz!"


Abraço
Paulo Coimbra



domingo, 12 de março de 2017

CANTOS ESCUROS GUARDADOS DENTRO DO PEITO

Amigos.

Resolvi hoje mudar um pouco o tom da conversa.
Chega de politica, por enquanto.

Noite passada entre um acorda e dorme, acorda e dorme, muito comum, tive um pensamento e lembrei que certa vez escutei uma poesia crioula e uma das frases ficou na minha cabeça.

“ Me empresta a luz dos olhos negros, brilhantes e puros
Que eu tenho cantos escuros guardados dentro do peito”.

Pela manhã, acionando a internet, descobri que se trata de uma música com o nome de Súplica de autoria de Porca Veia.

Então resolvi com a ajuda do velho e bom Google, comentar com vocês sobre o verso da música e  falar sobre o assunto.

Cantos escuros guardados dentro do peito!!!!

Quem não os têm???

O que são estes cantos escuros dentro de nosso peito???

É tudo aquilo que nos incomoda, aquilo que tentamos esconder e não mostrar, mas  muitas vezes deixamos escapara e transparecer no nosso dia a dia.

São eles:

 1 - A Gula – “desejo insaciável, além do necessário, não só por comida e bebida, mas podemos relacionar com o egoísmo humano, no sentido de querermos sempre mais e mais, não nos contentando com o que temos, uma forma de cobiça".

2 - A Avareza – “apego excessivo e descontrolado, pelos bens materiais e pelo dinheiro.  Priorizando o TER no lugar do SER”.

3 - A Luxúria – “desejo passional e egoísta, por todo prazer sensual e material, corrupção de costumes, lascívia, sexualidade extrema".

4 - A Ira – “raiva, ódio , rancor contra alguém, vontade de vingança. A ira torna a pessoa furiosa e descontrolada com o desejo de destruir aquilo que provocou sua ira, é algo que provoca a pessoa. Normalmente volta-se para aquele que deixou o ódio plantar sementes em seu coração".

5 - A Inveja – “prioriza o status de outra pessoa. Desejo exagerado por posses, habilidades e tudo que outra pessoa tem e consegue. Geralmente esquecemos o que somos e temos para cobiçar o que é do próximo. Confunde-se frequentemente com a Avareza que também é um desejo por riqueza material que pode ou não pertencer a outro".

6 - A Preguiça – “negligência ou falta de vontade, para o trabalho ou atividades importantes, falta de capricho, de esmero, morosidade, lentidão, moleza".

7 - A Soberba – Vaidade – “ manifestação de orgulho excessivo e arrogância, preocupação com o aspecto físico para conquistar a admiração dos outros".

Como é difícil mantê-los quietos!!!

Mais difícil ainda é tentar eliminá-los!!!  

Esta luta, que deve ser diária, vai permitir que sejamos pessoas mais humanas e que nossa passagem por aqui tenha valido a pena.

Quando chegarmos de volta a nossa verdadeira casa, Nosso Pai nos receberá de braços abertos e orgulhoso por termos cumprido bem nossa missão.

Que possamos dizer:

Eu tive olhos "verdes", brilhantes e puros que me emprestaram sua luz e me ajudaram na difícil tarefa de tentar ser uma pessoa melhor cada dia que passou.

Grande Abraço



sexta-feira, 10 de março de 2017

A JUSTIÇA DO TRABALHO DEVERIA ACABAR


Amigos

O Autor desta "PÉROLA” é nada mais nada menos que o Deputado Federal – Presidente da Câmara dos Deputados de Brasília – Rodrigo Maia.

Este “SENHOR” que se acha superior às leis, que se julga dono da verdade, um representante eleito pelo povo, pelo trabalhador, dizer que a Justiça do Trabalho deveria acabar é no mínimo uma "aberração", para não usar outro termo.

O que seria do trabalhador se não houvesse Justiça do Trabalho???

Imaginem só a “farra” que os empresários fariam se conseguissem acabar com a Justiça do Trabalho. 

Sei que existem empresários sérios. Mas tem muitos empregadores que exploram seus funcionários, assim como tem muitos trabalhadores que cobram valores indevidos.

Tenho ciência disso também!!!!

Daí a necessidade da existência deste órgão do judiciário para servir de mediador entre patrões e empregados.

Senhor Rodrigo Maia eu discordo de "Vossa Excelência", que está sendo citado na Lava jato.

O que não deveria existir era o Congresso Nacional, constituído pela Câmara dos Deputados e pelo Senado Federal, uma vez que estas duas casas só tem nos dado demonstrações de incompetência e corrupção.

Prefiro a Justiça do Trabalho, defendendo os direitos dos trabalhadores, do que políticos preocupados somente em se perpetuar no poder. 

Grande abraço.